Encontrar um profissional de saúde
Está à procura de cobertura de seguro?
Veja como pode encontrar o seu prestador de cuidados de saúde com a MSH
Já é membro?
Inicie sessão para encontrar o seu prestador de cuidados de saúde
Comercial
Serviço de gestão
Equipa comercial para particulares
Das 9h às 18h (CET)
Contactar-nos por e-mail
Equipa comercial para empresas
Das 9h às 18h (CET)
Contactar-nos por e-mail
Acesso rápido
Sistema de saúde
Seguro de saúde nos Estados Unidos da América
Descubra como funciona o sistema nos EUA
Apesar de o custo das despesas médicas ser muito alto nos EUA, não existe realmente um sistema de seguro de saúde local. Porém, existe um sistema público destinado a determinada categoria de pessoas que está dividido em dois programas diferentes: Medicaid e Medicare.
O Medicaid destina-se a pessoas e famílias pobres (cerca de 11% da população), enquanto o Medicare cobre pessoas com mais de 65 anos e deficientes (cerca de 15% da população).
O resto da população não tem outra opção senão subscrever um seguro de saúde privado, seja através da sua entidade patronal, seja a título individual.
Uma parte significativa dos norte-americanos não está coberta por nenhum plano de seguro, pois ganham demasiado para poderem beneficiar do Medicaid, mas não o suficiente para terem um seguro individual privado.

Em 2009, com vista a implementar um sistema de saúde "mais justo", o Presidente Obama apresentou a sua nova reforma do sistema de saúde norte-americano (ACA, Affordable Care Act). Esta reforma foi progressivamente implementada e tem como objetivo proporcionar  a todos os norte-americanos acederem a cuidados médicos e beneficiarem de uma cobertura de saúde básica. Saiba mais aqui.
Consultar um médico nos EUA
Os médicos de clínica geral norte-americanos atendem os seus pacientes no seu consultório ou em clínicas privadas e, de um modo geral, de segunda a sábado, das 8h30 às 18h30. Determinadas clínicas também estão abertas ao domingo.
Se subscreveu um seguro privado, apenas pode ir a um médico que pertença à rede médica do seu seguro privado. Será o seu médico assistente.
Durante a consulta, será tratado por um enfermeiro que verificará a sua tensão arterial, perguntar-lhe-á se está a tomar medicação e pedir-lhe-á para descrever os seus sintomas. Depois, ficará à espera que o médico o examine numa pequena sala. De um modo geral, os médicos atendem vários pacientes ao mesmo tempo e as consultas apenas duram uns minutos (10 a 15 minutos, no máximo).
As taxas de consultas variam dependendo se a pessoa tem ou não seguro. Portanto, não fique surpreendido se uma das primeiras coisas que lhe perguntarem quando fizer a sua marcação for se tem seguro de saúde e qual o seguro, pois as taxas variam de um plano de seguro para outro. Para o mesmo serviço prestado, as taxas de consultas variam de 80 a 300 dólares, em média.

Médicos de especialidade nos EUA
No caso de ter uma doença mais específica, o seu médico assistente referenciá-lo-á para um médico de especialidade da rede médica da sua companhia de seguros. Estes médicos são chamados médicos "na rede". Se for a um médico de especialidade sem ter sido referenciado pelo seu médico assistente e/ou um médico de especialidade "fora da rede", o mais provável é receber um reembolso mais baixo da sua companhia de seguros.
Como é o caso dos médicos de clínica geral, as taxas de consultas de médicos de especialidade variam significativamente. A maioria das vezes, as taxas são mais altas para consultas com médicos de especialidade do que consultas com médicos de clínica geral. As taxas podem começar nos 150 dólares e atingir montantes excessivos (cerca de 300 dólares por uma consulta).
Ser internado num hospital nos EUA
Hospitais norte-americanos
Os hospitais norte-americanos utilizam tecnologia avançada e equipamento médico de alta qualidade. O pessoal médico também presta cuidados de alta qualidade.

Existem três tipos de hospitais nos EUA:

Hospitais públicos onde pode ser internado sem ter um plano de seguro. Ainda assim, não são gratuitos. Se não estiver coberto por um plano de seguro e tiver de pagar um montante significativo pelas suas despesas médicas, os hospitais poderão permitir que pague a prestações. Em todos os casos, terá de pagar a fatura na íntegra.

Hospitais privados norte-americanos
Como é o caso das consultas de médicos de clínica geral, ser-lhe-á pedido que mostre o seu cartão de seguro antes de qualquer procedimento médico. As consultas são realizadas da mesma forma que as consultas de médicos de clínica geral: um enfermeiro presta os cuidados médicos iniciais e, depois, o médico vê o paciente ou é realizada a cirurgia marcada. De um modo geral, existem serviços de urgências para ser visto por um médico o mais rapidamente possível, que, posteriormente, o transferirá para o serviço adequado consoante o seu diagnóstico.
A fatura será enviada mais tarde por este serviço e, geralmente, é muito elevada.

As clínicas sem marcação prévia funcionam da mesma forma que as consultas de médicos de clínica geral. Existem cada vez mais clínicas sem marcação prévia disponíveis nos Estados Unidos. São ligeiramente mais baratas do que os hospitais e também prestam serviços de urgências.

Em caso de emergência nos EUA: ligue para o 911 para obter uma intervenção rápida.
Comprar medicação nos EUA
Os medicamentos podem ser comprados em farmácias que, normalmente, se situam em supermercados e diferentes cadeias de lojas. Existem muitas cadeias de farmácias nos EUA.
Tal como no caso das consultas, os medicamentos são muito caros. Geralmente, o custo dos genéricos é inferior, mas devem estar especificamente indicados na prescrição para serem vendidos.
Nos Estados Unidos, os medicamentos são entregues de uma forma personalizada: receberá o número exato de comprimidos ou cápsulas necessários dependendo da duração do seu tratamento.
Quanto aos medicamentos vendidos sem receita, podem ser comprados em lojas específicas e supermercados.
Obtenha o seu seguro de saúde para os EUA
A MSH pode ajudá-lo a delinear o melhor plano de seguro de saúde internacional que se adequa às suas necessidades.

Vai estar fora durante menos de um ano?
Temos o plano de seguro de saúde certo para o proteger de 1 a 12 meses, seja para um projeto pessoal, estágio, visto de férias e trabalho ou qualquer outra razão.

Vai esta fora um ano ou mais?
Explore as nossas soluções de seguros de doença completas e altamente flexíveis para o proteger a si e à sua família enquanto estiver fora.
Factos importantes
Nome oficial
Estados Unidos da América
PRINCIPAIS CIDADES
Nova Iorque, Los Angeles, Chicago, Houston, Filadélfia, Phœnix, San Diego
CAPITAL
Washington
GOVERNO
República constitucional presidencial federal
LÍNGUA(S) COMUM(NS)
100%
Inglês
Histórias de clientes
História: despertei para a MSH

Rachel vive no Togo e está com a MSH desde 2002. Após uma cirurgia de rotina, ficou em coma durante 2 meses. A sua hospitalização custou mais de 200 000 euros - mas foi tudo coberto pela MSH, sem que ela tivesse de tratar de nada. Graças à reatividade da equipa e à forma simples como lidou com a situação, a família de Rachel pôde evitar mais problemas - tal como Rachel quando acordou.
História: estavam presentes para ajudar o meu bebé

Laure e Robert mudaram para Singapura em 2014 em trabalho - mas acabaram por formar uma família lá também! Ela disse à MSH que estava grávida e ficou maravilhada com todo o apoio que recebeu. Primeiro, recebeu um guia prático sobre gravidez (o que fazer em cada fase, exames médicos, etc.) e, depois, um membro da equipa contactou-a para lhe explicar pessoalmente todas as garantias e aconselhá-la sobre o melhor local para o parto. No dia em que a filha dela nasceu, recebeu um presente com um gráfico de crescimento e um brinquedo para bebé, juntamente com os votos de felicidades da parte da MSH. E agora, está o segundo a caminho...
História: a decisão acertada

Bill e a sua família vivem no Brasil. Descontente com a sua seguradora anterior, Bill mudou para a MSH em dezembro de 2015: "Uma das melhores decisões que tomei desde que estou aqui", afirma, "pelo nível de serviço e a extensão e qualidade da rede." O cartão de seguro de Bill agora é reconhecido pelos maiores e melhores hospitais em São Paulo. Ele até recebe pagamentos através de terceiros para exames hospitalares simples sem precisar de aprovação prévia: "A MSH facilita a vida", diz Bill.
Descubra as suas histórias
Quer saber mais?
Encontre o plano certo para si em apenas uns cliques
Contacte a nossa equipa de especialistas
Estamos aqui para o ajudar na sua língua 24 horas por dia, 7 dias por semana